sábado, 11 de julho de 2020

Porque mudei para a Inglaterra

Olá a todos! Há tempos não escrevia, mas resolvi retomar minha prazerosa rotina de escrever um pouco das minhas aventuras.

Em 2019 mudei para a Inglaterra depois de passar um período bem turbulento da minha vida. Minha escolha pelo Reino Unido não foi por acaso, mas feita após um balanço de prós e contras.

Mas então Mutley, conta logo porque a Inglaterra? Sim já vou contar.  Eu sou cidadão italiano, havia um prazo para o Brexit, é um país que fala inglês, é uma das economias fortes da Europa, a Libra estava muito depreciada... acho que devem ter outros motivos, mas vamos deixar esses aí.


Como cidadão italiano tenho direito de viver legalmente na terra da Beth, assim como qualquer país da União Européia (ao menos por enquanto). No caso do UK, eu tinha até o final de março de 2019 para estar aqui e esse foi o motivo para vir para cá. 

Estando aqui e não gostando, poderia mudar para outro país, mas não estando aqui até março de 2019 eu poderia correr o risco de não podere mais ser aceito para trabalhar e viver aqui sem nenhum requisito além do meu passaporte. Esse sim foi o principal motivo pela escolha da Inglaterra.

Sim, o prazo final de março de 2019 mudou duas ou três vezes por conta dos adiamentos do Brexit, e agora parece que é até o final de 2020. Como vai ficar depois? Não sei... acho que tem muita água para rolar por debaixo dessa ponte, porque assim como tem vários europeus que querem morar aqui tem vários britânicos que querem morar no continente. Só que isso já não mais é problema meu!

O fato de ser um país de língua inglesa me atraiu porque com o inglês afiado eu me viro em qualquer lugar (talvez não na França), então para que sofrer duas vezes? Sim, porque praticamente todo o europeu fala inglês e aí eu teria que aprender o italiano mais o inglês, o alemão mais o inglês, o espanhol mais o inglês... além disso, meu nível de inglês já era quase fluente, então isso facilitou bem a coisa.


A economia britânica é pujante, naquela época tinha cerca de 4-5% de nível de desemprego e é possível ter uma boa qualidade de vida aqui. 
Libra x Real (Jul18-Jul20)
Também vi a Libra muito barata naquela época! Em comparação com o Real, desde que cheguei aqui a Libra já valorizou mais de 30%, e caiu cerca de 2% em relação ao Dólar. Existem coisas ruins? Sim, mas outra hora eu conto.

Okay Mutley, mas aonde você mora, o que faz, como se vira aí, quais as experiências e dicas... isso tudo vem nos próximos posts!


Um abraço a todos!


Cheers m8!!!

4 comentários:

  1. Legal Mutley, show de boa, cidadania européia ajuda muito pra poder viver em qlqr país daí

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hi m8! Sim a cidadania européia é uma mão na roda. Se você tem direito, vá atrás disso!
      Cheers!

      Excluir
  2. Poxa, como eu queria uma cidadania europeia, se eu tivesse as portas e oportunidades estariam abertas !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hi m8! Sim, a cidadania é uma mão na roda. Mas existem alguns países um pouco mais abertos para a imigração. Normalmente você precisa investir em um curso ou algo assim, mas acho que Austrália, Nova Zelândia e Canadá são lugares para se pensar.
      Se eu não tivesse a cidadania italiana, eu daria foco nesses países.
      Cheers!

      Excluir